Anti-imigração na África do Sul

herman-mashaba
Herman Mashaba, presidente da câmara de Joanesburgo

All illegal foreigners, leave my city“, diz Mashaba, o presidente da câmara de Joanesburgo. Bloguei ontem sobre as manifestações anti-imigrantes em Pretória, e aí referi o peso das elites políticas nessas derivas. Amigo mais atento do que eu avisa-me disto. Todos sabemos do rumo do ANC, em particular após Mandela-Mbeki: um presidente omnívoro, uma elite apropriadora (saqueadora) na ânsia da “milionarização”. A sua recente grande derrota autárquica pode ser entendida como um avanço democrático, numa primeira análise. Mas dá também nisto: Mashaba, o presidente de JHB, da Aliança Democrática (em acordo parlamentar com o partido de Malema, uma coisa coligação em moldes que nós, portugueses, poderíamos apelidar de “geringoncismo”) é um exemplar trumpiano – capitalista, “libertário” (uma apropriação falsária do termo), populista. Xenófobo.

Nos quatro cantos do mundo a tenaz autocrática-populista medra. Germinada na degenerescência (corrupção/elitização) dos partidos tradicionalmente democráticos. (Continuem a dizer que a culpa é do FMI que irão longe …)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s